[ * ] [ c / des / n / t / u ] [ int / luso ] [ b / con / pol / xxx ] [ meta ] [ info / regras / notícias / https / git ]

/pol/ - Politicamente Incorrecto

Name
Email
Subject
Comment
File
Embed
Password(For file deletion.)

Allowed file types: jpg, jpeg, bmp, gif, png, webm
Max filesize: 10 MB.
Max dimensions: 10000 x 10000.


File: 1504953969324.png (308.96 KB, 865x320, Captura de ecrã 2017-09-9….png) ImgOps Google

 No.3004

Anões, Portugal é um país racista?
https://www.publico.pt/racismo-a-portuguesa

O que é que está a acontecer?
Vivi toda a minha vida entre a Amadora e Rio de Mouro, nunca senti que o branco oprimisse o preto, aliás em todas as escolas que andei ser-se preto era um passe para ninguém se meter contigo.
Em relação à educação em si, tenho professores na família que dão aulas no ensino básico também na zona da linha de Sintra, escolas com mais pretos que brancos, onde estas crianças são capazes de chamar filha da puta aos prof.l riscar carros , andar com facas a ameaçar toda a gente incluindo professores e não lhes acontece nada, são miúdos que não tem a mínima curiosidade em aprender.
E só de pensar que vivemos numa sociedade onde cada vez mais esta etnia e os seus respectivos costumes ganham mais tolerância e pena aos nossos olhos.
Na minha rua mora um preto que já tentou violar uma vizinha minha, e o gajo continua ali como se nada se passa-se , sempre que passo pelo prédio dele (pois é inevitável , é ocaminho para a estação) o gajo manda sempre bocas nojentas ,e eu sou mulher e pequenina, se tiver o azar de algum dia aquele macaco decidir mesmo fazer alguma coisa não me consigo defender, pelo que já comecei a andar com uma faca.
Vejo crianças pretas a correr atrás dos gajos da minha rua, os quais eu dou comida, para lhes atirarem com pedras. Se digo alguma coisa insultam-me,
Já só me apetece atropelá-los, aos pretos claro, para acabar com o sofrimento dos velhotes e dos gatos.
Como é óbvio que eu não generalizo, sei que "nem todos os pretos são assim" mas a verdade é que onde eu moro são os pretos que fazem a merda toda. Tenho indianos, chineses mas só os pretos é que são capazes de ás 3 da manhã meterem música de preto aos altos berros para acordar as pobres pessoas que tem de ir trabalhar no dia seguinte.
E depois o nosso escroto de sociedade a vitimizar ISTO.

 No.3005

*Vejo crianças pretas a correr atrás dos GATOS da minha rua, os quais eu dou comida, para lhes atirarem com pedras. Se digo alguma coisa insultam-me,

 No.3006

2017 e ligar ao Público….
Anon, esse jornal este ano a entrou em tilt óbvio, foi raptado pela versão BLM dos PALOP e já nem tenta esconder. Numa semana encontras mão cheias de choro contra o muh homem branco. A única coisa que tens que fazer é ignorar de vez essa fonte de noticias.

 No.3007

File: 1504957745987.jpg (338.46 KB, 796x1169, 1394197282982.jpg) ImgOps Exif Google

>Publico
>Órgão de comunicação oficial do BE+PCP
>O dono é o Belmiro do Continente
>Nunca há greves no Continente

Em todo o caso, existe sempre "algo" desde que se convença a população:
O casamento ou uma relação estável é patriarcal e opressiva = maior taxa de divorcio da Europa, com miúdos sem pai por todo o lado.

O ensino deve focar-se em humanísticas e letras para ensinar o povo a "pensar" = desemprego garantido a quem ingénuo o suficiente para se meter nisso.

O capitalismo é prejudicial á sociedade = pobreza e baixos salários para todos menos os trabalhadores do estado.

Agora é o racismo…em breve vamos ter guetos onde branco não entra porque é opressor sistémico (as memes camones tornam-se cada vez mais quotidianas), tipo Cova da Moura mas em larga escala e por todo o lado, com os merdas do BE a fazerem de intermediários e a garantirem dinheiro do estado para todos os seus sociólogos desempregados e o PS a largar subsídios em troca dos votos dos "oprimidos".
Fazer dos pretos coitadinhos permanentes é racismo, basicamente é dizer que são incapazes de se desenvencilhar sozinhos, tipo deficientes mentais, isso sim é racismo, se eu fosse preto ficaria ofendido com isso.

No fundo o Marxismo cultural desperta o pior que existe em tudo, das instituições ás relações raciais, porque o objetivo não é melhorar, é destruir. Destruir tudo para fazer a revolução comunista.

 No.3008

>>3007

>No fundo o Marxismo cultural desperta o pior que existe em tudo, das instituições ás relações raciais, porque o objetivo não é melhorar, é destruir. Destruir tudo para fazer a revolução comunista.


Que cria um país comunista que eventualmente se auto-destrói. Qual é, no fundo, o objetivo da esquerda se tudo o que faz é destrutivo?

 No.3012

>>3007
>O casamento ou uma relação estável é patriarcal e opressiva = maior taxa de divorcio da Europa, com miúdos sem pai por todo o lado.

A taxa alta de divórcios em Portugal é um problema do capitalismo. O capitalismo promove uma sociedade individualista, narcisista e o facilitismo. Um casamento dá trabalho, é algo que requer dedicação, tempo e paciência. A maior parte das pessoas estão corrompidas pelo capitalismo, querem tudo no imediato, rápido e fácil, portanto divorciam-se rapidamente quando percebem que uma relacionamento não é como nos filmes capitalistas de Hollywood que andaram a ver durante a infância e adolescência

>O ensino deve focar-se em humanísticas e letras para ensinar o povo a "pensar" = desemprego garantido a quem ingénuo o suficiente para se meter nisso.


Um povo que não sabe pensar é um povo burro. O povo português nunca foi ensinado a pensar.
Como são burros votam PS e PSD há 40 anos e fica tudo na mesma.

>Agora é o racismo…em breve vamos ter guetos onde branco não entra porque é opressor sistémico (as memes camones tornam-se cada vez mais quotidianas), tipo Cova da Moura mas em larga escala e por todo o lado, com os merdas do BE a fazerem de intermediários e a garantirem dinheiro do estado para todos os seus sociólogos desempregados e o PS a largar subsídios em troca dos votos dos "oprimidos".

Fazer dos pretos coitadinhos permanentes é racismo, basicamente é dizer que são incapazes de se desenvencilhar sozinhos, tipo deficientes mentais, isso sim é racismo, se eu fosse preto ficaria ofendido com isso.

Concordo contigo neste ponto. Continuo a achar que a melhor solução para os pretos é espalha-los pelo país em vez de estarem todos a viver concentrados no mesmo sítio.

>No fundo o Marxismo cultural desperta o pior que existe em tudo, das instituições ás relações raciais, porque o objetivo não é melhorar, é destruir. Destruir tudo para fazer a revolução comunista.


Diz-me qual foi o autor da Escola de Frankfurt, qual o livro e em que páginas é que isso está se faz favor.
É que eu já li várias obras de vários autores da Escola de Frankfurt/Marxismo cultural e nunca vi lá nada disso.
Os marxistas culturais escreveram há quase 100 anos atrás aquilo que está acontecer. Eles escreveram que o capitalismo vai destruir as verdadeiras culturas europeias e substituído pela falsa cultura do capitalismo. A música pop, jazz, rock, hip hop, os McDonald's, os filmes de Hollywood, as 50 sombras de Grey. Tudo isso destruiu as verdadeiras culturas europeias.
Curiosamente décadas mais tarde, nos 1960's um dos principais autores da Escola de Frankfurt, o Adorno foi vítima dos prototipos de SJW(na altura chamavam-lhes hippies), pois não se identificavam com aquilo que ele dizia. Acabou por ser expulso da faculdade onde dava aulas sobre Marxismo Cultural.

Mais uma vez direitolas não lêem, não conhecem, aprendem política por memes e videos no youtube de Americanos bárbaros sem cultura e obcecados por controlar o globo.

 No.3015

>>3012
>A taxa alta de divórcios em Portugal é um problema do capitalismo. O capitalismo promove uma sociedade individualista, narcisista e o facilitismo
LOL!!! deve ser por isso que o divorcio era mais alto nos países soviéticos do que nos ocidentais, mesmo sendo as leis do divorcio idênticas.
O "facilitismo" vem da cultura onde o apego ao estado é mais importante que os valores familiares, vê os/as gajos/as do BE, quem é casado e tem filhos?? só os velhotes. A primeira coisa que o comunismo faz é promover o divorcio, viu-se na URSS e viu-se durante o pouco tempo da Republica Espanhola, primeiro é necessário destruir as estruturas sociais para se poder criar uma nova, a relação entre estado e individuo, essa é a única relação vinculativa permitida no comunismo, todas as outras são transientes.
>inb4 eram tudo casais infelizes oprimidos pelo hetero-patriarcado-burgues-capitalista



>Um povo que não sabe pensar é um povo burro. O povo português nunca foi ensinado a pensar.

E é com certeza a doutrinar os alunos com merdas de sistemas que falharam em todo o mundo que a coisa vai para a frente. Portugal tem deficit em profissões técnicas, mas mesmo assim a pressão toda é para as humanísticas onde está o Boaventura Sousa Santos a ensinar que a Venezuela até é um sitio porreiro.
O Povo não necessita que os "ensinem a pensar" necessita de empregos em condições e fazer pela vida, se quiser ler sobre humanísticas pode fazê-lo livremente sem que ninguém lhe diga os autores "certos".



>É que eu já li várias obras de vários autores da Escola de Frankfurt/Marxismo cultural e nunca vi lá nada disso.

Exato, a longa marcha pelas instituições, a destruição da sociedade burguesas e das suas estruturas sociais nas quais se incluem o casamento, as trocas económicas e todas as instituições tais como existem, não está presente em quase todos.
Está lá tudo na linguagem mais críptica ou mais direta, do Marcuse ao Wilhelm Reich ao Derrida.
>inb4 Derrida e Marcuse não são Marxistas culturais.

 No.3052

>>3004
>Racismo

Palavra utilizada por pretos para poderem mudar a culpa de merdas que fizeram para o
locutor que os acusa. Alternativamente poderá ser também usada para ganhar privilégios que nenhuma outra pessoa tem direito por que é contra normas ou simplesmente proibido.


Use this card to elevate privileges.

 No.3057

>>3052
>Palavra utilizada por pretos

Palavra utilizada por marxista culturais, os pretos também são peões no jogo deles.

 No.3059

quem vive na linha de sintra sabe os comportamentos dessa subespécie, verdadeiramente inferiores

 No.3060

>>3059
Isto. E têm tratamento preferencial em tudo.

 No.3066

>>3004
>>3006
não comprem o público, é dar dinheiro a uma quinta coluna qualquer que por aí anda a tentar fazer-nos crer que Portugal é um país racista e a criar divisões onde estas não existem. Não o leias e tira o like do facebook. Haje como se eles não existissem e se alguém te vier com essas conversas não hesites em os expôr.

 No.3069

>>3066

não tenho essa ideia, quando o Fidel Castro morreu a primeira crónica era daquele de barba a dizer "Repitam comigo, Fidel era um ditador"

 No.3083

>>3069
https://www.publico.pt/2017/09/02/sociedade/noticia/quero-a-oportunidade-de-provar-que-posso-fazer-igual-aos-brancos--1783929

https://www.publico.pt/2017/09/09/sociedade/noticia/dos-afrodescendentes-esperase-que-nao-passem-da-escolaridade-obrigatoria-1784725

https://www.publico.pt/2017/09/23/sociedade/noticia/ha-muito-mais-familias-que-tiveram-escravos-mas-nao-se-fala-disso-1786373

https://www.publico.pt/2017/09/23/video/portugal-meteu-a-escravatura-o-colonialismo-e-o-racismo-debaixo-da-cama-20170922-205336

https://www.publico.pt/2017/09/23/sociedade/noticia/nem-o-25-de-abril-derrubou-o-mito-do-bom-colonizador-1786395

https://www.publico.pt/2017/09/16/video/oito-rostos-do-activismo-negro-em-portugal-20170915-235904

https://www.publico.pt/2017/09/09/sociedade/noticia/a-presenca-de-negros-na-academia-e-nula-1784760

https://www.publico.pt/2017/09/21/sociedade/noticia/cova-da-moura-defesa-quer-indemnizacao-de-mais-de-meio-milhao-de-euros-1786128

https://www.publico.pt/2017/09/09/sociedade/noticia/ha-uma-geracao-a-ser-encaminhada-para-as-vias-vocacionais-1784759

https://www.publico.pt/2017/09/09/sociedade/noticia/com-que-direito-se-apagam-as-criancas-naobrancas-dos-manuais-1784746

https://www.publico.pt/2017/08/26/sociedade/noticia/ha-uma-preferencia-obvia-dos-senhorios-alugarem-casa-a-brancos-1782904

https://www.publico.pt/2017/09/09/video/dos-manuais-as-universidades-onde-esta-o-racismo-na-escola-20170908-210609

https://www.publico.pt/2017/09/02/sociedade/entrevista/portugal-e-dos-paises-da-europa-que-mais-manifesta-racismo-1783934

só assim numa pesquisa de 5mn

 No.3114

>>3059
vivo lá, confirmo.

 No.3115

File: 1507248378075.png (148.63 KB, 218x265, 1369572674523.png) ImgOps Google


 No.3116

>>3115

puta que pariu esse Mamadu

 No.3117

>>3115
O Publico é mesmo um monte de merda, portanto os que vão armar sarilhos não são totalitários provocadores de extrema esquerda e os que vão proteger a estátua (de um padre que até escrevia pela justiça social..pasme-se) são """""neo-nazis""""".

F A N T Á S T I C O

 No.3127


 No.3128

>>3069
Está mais equilibrado desde que foi para lá o David Dinis

 No.3306

File: 1513097707163.jpg (86.47 KB, 1092x576, Chicago Crime Statistics.jpg) ImgOps Exif Google


 No.3307

Vocês são mesmo uns cromos…

Maninhos, julguem os indivíduos e não o grupo social a que pertencem. Preocupem-se com merdas mais importantes, fodass.

Podem começar a dizer que eu sou o maninho que acha que tem sempre razão e eu acho que sou superior a vocês. Só se enterram

 No.3310

>>3307
>ignorar reacções lógicas cerebrais a padrões de comportamento por parte de certos grupos ou etnias só porque sim

são traidores ignóbeis como tu que merecem o exílio.
As cadeias estão cheias de cabo-verdianos. Qualquer pessoa percebe que é porque os cabo-verdianos, ou:
1- São mais propícios a serem apanhados a cometer crimes, ou;
2- Cometem mais crime;

Mas não, é a mesma coisa que negares que fumar não causa diversos cancros só porque algumas pessoas fumam a vida toda e não têm cancro, ou que comer açúcar a mais não faz diabetes, porque conheces um velhinho que come kinder buenos todos os dias e tá rijo.

 No.3311

>>3310
Tem muito a ver com o meio em que estão inseridos. Os ciganos dentro das suas comunidades normalmente praticam o que vai de encontro com o preconceito em relação a eles como roubos, etc. Mas um cigano numa sociedade dita normal ele comporta-se segundo a norma do que o rodeia. Por isso deixa-te dessas merdas porque tem tudo a ver com o meio em que estás inserido e não porque a cor da tua pele automaticamente escreve a tua sina. A mesma merda se aplica aos brancos dos bairros. Deixem de ser fechadinhos na vossa bolha e vão aos locais viver ao pé daquilo que criticam por fora.

 No.3312

File: 1513107945483.jpg (166.68 KB, 857x819, 1507721836520-0.jpg) ImgOps Exif Google


 No.3313

>>3312
lmao essas tuas refutações do típico pseudo-intelectual. Rapaz, ninguém negou por completo as diferenças entre a raça humana. O exemplo mais mainstream é o facto de os pretos por exemplo terem mais aptidão física e os asiáticos intelectuais. Agora essa merda é motivo para não conviverem? Se não gostas de conviver com pessoas de outras etnias, cria o teu próprio circulo para impedir que apanhes "síndrome de tolerância" ou "sindrome de multiculturalismo". Agora se os outros não se importam de viver com outros diferentes, não tens nada a ver com isso. Preocupa-te com a tua vida porque certamente no futuro vais-te deparar com problemas bem maiores do que discutir se a média de gajas brancas comidas nos pretos é maior ou menor que nos brancos.

 No.3315

File: 1513185930558.jpg (77.21 KB, 595x682, 741b.jpg) ImgOps Exif Google

>>3313
>bom goy, importa mais diversidade

 No.3316

>>3315
Importa-me mais a mim tratar dos meus problemas e de coisas bem mais importantes do que arranjar alvos para criticar eternamente em vez de fazer algo na puta da vida. Vais ter um lindo futuro com essa mentalidade vais. Enfim, essa fase dos 15-25 anitos irao passar algum dia, é só ter paciencia

 No.3317

>>3316
>Se não gostas de conviver com pessoas de outras etnias, cria o teu próprio circulo para impedir que apanhes "síndrome de tolerância" ou "sindrome de multiculturalismo".
Literalmente um dos problemas. Não é a toa que pretos geralmente só se dão com outros pretos, amarelos com amarelos, etc. É por isso que importar diversidade é um problema anão e tem consequências como alienamento social e outras merdas. Podes desconsiderar estas coisas pois estás confortável e sentes-te bem mas o facto é que continuam a ser problemas não obstante a tua apreciação subjectiva sobre as relações raciais no nosso País. O problema do /pol/áco no geral é que ele fala em mémés quer ou por genuína frustração ou por incapacidade mental, mas olha que até o relógio estragado está certo duas vezes ao dia.

Atenção que não digo isto para te deitar abaixo, mas precisas mesmo de ter em conta que a nossa componente racial é tanto um factor de desunião do qual "jornalistas" do Público se aproveitam para autorizar artigos de opinião sensacionalistas como também é um factor de união entre um povo com uma herança cultural, histórica, étnica, etc. comuns.

 No.3318

>>3316
estou-me pouco a cagar. Desde que não me fodam a mim, nao me meto com ninguém. Quem me foder, eu trato do problema tendo em conta o individuo. Porque ha brancos assim e brancos assado, a mesma merda com pretos, ciganos e até os cães não têm comportamento idêntico só porque pertencem à mesma raça. É possível que possa haver generalizações, mas prefiro culpar um individuo do que o grupo, quer seja social, económico, racial, etc. Da mesma maneira que nao quero que quando eu alguma vez fizer merda, venham com a justificação de eu ser pobre, branco ou que gosto de um estilo musical especifico, ser daquela regiao do pais, etc

 No.3319

>>3311
>>3313
Sabes, estou mesmo farto dessa merda de conversa. Eu sempre vivi em bairros sociais e entre pretos ciganos e brancos, das pessoas todas que eu conheço, sabes quem paga as contas na maioria? Os brancos., SAbes a quem é que eles cobravam 250 pius por mês enquanto a vizinha da frente cobravam 5 euros por ser preta e ter um filho ? Á minha avó reformada.
Conheço pretos que já receberam ordem de despejo há 1 ANO com uma renda de 5 euros e andam de carro todos os dias, sempre a beber e a fumar.
Os brancos que eu vejo em bairros, ou são pessoas de família trabalhadoras, ou são merdume da pior espécie que se deixam ir atrás da pretalhada. Estou aqui a falar do problema que é o Socialismo, e o conformismo que daí resulta, não é assim tão difícil processar isto.

Sabes o frustrante que é estar no limiar da pobreza, aquecer água com uma panela e tomar banho com um alguidar, ou ter de jantar bolachas maria, enquanto gajos que não trabalham durante anos e anos a fio conduzem mercedes e bmws (e mesmo que fosse um 107, já tão bem melhores que muitos portugueses que não podem conduzir) e usam o dinheiro que os teus compatriotas lhes dão através da segurança social para investir em droga e foder completamente as próximas gerações?

Agora imagina ouvir um gajo como tu a dizer-me que essas pessoas estão "alienadas" e "coitadas, não têm culpa"
Infelizmente só dá para pensar como tu se tiveres uma vida confortável, se estiveres conformado. Eu não estou, e não vou parar de pregar a VERDADE só porque tenho de ter um certo modus operandi para analisar a sociedade de acordo com o que é politicamente correcto.

É por causa de pessoas como tu que este país está como está, acredita. Um MERDAS de uma geração de MERDA em que 75% das pessoas deram no cavalo só porque não tinham ganza a debitar MERDA em nome de SANGUESSUGAS estatais. Espero que estejas orgulhoso do país que estás a deixar ás futuras gerações, hão-de cuspir todas na tua campa e de toda a gente que se comporta de maneira irresponsável, que se recusam a ver coisas simples que estão á frente dos olhos, só porque "muh diversidade" ou "muh direitos humanos".

Dizes que as raças têm diferenças biológicas, mas não aceitas que tenham certos traços sociológicos inerentes, ou que haja um certo tribalismo.
Percebe isto de uma vez por todas - e já me foi dito por um polícia - mais de 2/3 do crime em portugal é praticado por pretos. Se tirasses os pretos de portugal, tinhas menos 2/3 de crime. Que conclusão é que tiras daqui? Podes fechar os olhos á vontade, mas isso não te torna uma pessoa melhor, torna-te uma pessoa de merda, um irresponsável insensato que não tem coragem para dizer as coisas tal como elas são.

Não te preocupes, há pessoas desta nova geração pós-90 que não tem problemas nenhuns em dizer o que acha, e que se preocupa com o país e o futuro dele.
Agradecemos todos os teus votos em montes de merda como durões barrosos, guterres ou sócrates, foderam-nos mesmo bem, e tudo isto em nome de MAIS MAMA!

Espero que ganhes algum sentido de responsabilidade, porque para estares com essa conversa é porque ou não tens filhos e não tens ninguém que queira saber de ti, ou porque és só um merdas perdido recalcado porque nunca conseguiu fazer nada da vida neste país (porque será?

 No.3320

>>3318
Com 12 anos, 15, 16, e 19 anos eu e a minha avó fomos assaltados nos bairros onde vivíamos. Curioso, foram sempre pretos. Achas que não conheço pretos de bem? Claro que sim, mas isso não quer dizer que não tenha cautela e esteja preparado quando vejo um preto desconhecido na rua para o caso de me assaltar, porque o meu cérebro me diz "OLHA, FOSTE ASSALTADO SEMPRE POR PRETOS, CAUTELA."
Agora se algum dia vou ser assaltado por um branco, até pode acontecer. Mas digo-te que é muito menos provável.

 No.3326

>>3319
Como um habitante da linha de sintra que já girou esta merda toda e sabe tudo sobre os comportamentos destes sub-humanos, este é o melhor posto que li a semana inteira, cumps

 No.3327

>>3319
>>3326
Ah e é pior do que disseste, sobre o 2/3… a maior parte das pessoas incarceradas em portugal são de descendência africana, acho que é mesmo mais que 80% 90%

 No.3329

File: 1513552053521.jpg (8.17 KB, 214x174, internetgold.jpg) ImgOps Exif Google

>>3319
>>3319
>>3319
Eram exemplos destes que deviam estar expostos pelas faculdades de letras deste país fora, e não o cancro SJW actual.

 No.3385

>>3319
Verdade. Eu passei SÉRIAS dificuldades na faculdade - Passei FOME caralho! Entrei numa depressão por ver o frigorífico dos meus pais VAZIO quando os fui visitar a casa (ao fim de 3 meses porque não tinha dinheiro para mais bilhetes de autocarro).

Enquanto isto, era-me negada a puta da bolsa de estudos porque o meu pai esteve emigrado na Suiça uns anos atrás (suponho eu), e os meus vizinhos pretos do lado andavam na CURTIÇÃO maior! Todos os dias tinham aquele barulho de pretos de música de merda a bombar até às 3 da manhã. TODOS os dias bebiam à grande e fumavam droga ao ponto de terem arranjado sarilhos com a polícia tamanha era a quantidade de queixas. PIOR, sei que todos esses filhos da puta tinham bolsa do estado!

Esta merda não é gozar com um gajo? Puta que pariu! Tenho ódio aos pretos e a todo o filho da puta que sugira apoiar "minorias": OU SE APOIAM TODOS OS CIDADÃOS OU NENHUM. Estou a espumar da boca. ODEIO esquerdalhas de MERDA que conduzem carro do papá, saem 2 vezes por semana à discoteca e ainda tem a puta da LATA de me chamar privilegiado. EU PRIVILEGIADO? Não, já dei uma puta no focinho de um betinho à conta disso. NINGUÉM tem a coragem de me falar dessas merdas à frente agora.

 No.3389

>culpar prectos
Caguem nisso, quantos dos filhos da puta que conspiraram para quebrar o Portugal ultramarino, e subsequentemente inundar-nos de niggas eram prectos?
Quantos dos filhos da puta que instauraram a nova república e quantos dos constitucionalistas que impuseram o estado social e a puta da segurança social, eram prectos?

Se um cão vos morder, vocês ficar f*didos co cao ou co dono!?

 No.3395

File: 1515606735987.png (120.18 KB, 549x2199, DiversityEffects.png) ImgOps Google

Racista não, Racialista

Ninguém quer a superioridade sobre outras raças, apenas se quer cada raça no seu espaço, cooperação claro que sim, mas cada um no seu galho.

https://www.youtube.com/watch?v=8vMypCinkRk

 No.3396

>>3395
posta lá a fonte dessa imagem e esses links que tenho muitos otários globalistas no facebook para chatear

 No.3397

>>3396
archive.is/0MaXn

os links para vários artigos estão lá



[Return][Go to top] [Catalog] [Post a Reply]
Delete Post [ ]
[ * ] [ c / des / n / t / u ] [ int / luso ] [ b / con / pol / xxx ] [ meta ] [ info / regras / notícias / https / git ]