[ * ] [ c / des / n / t / u ] [ int / luso ] [ b / con / pol / xxx ] [ meta ] [ doar / info / regras / notícias / https / git ]

/luso/ - Lusofonia

Name
Email
Subject
Comment
File
Embed
Password(For file deletion.)

Allowed file types: jpg, jpeg, bmp, gif, png, webm
Max filesize: 10 MB.
Max dimensions: 10000 x 10000.


 No.1021[Reply]

Rica Games mandando a real nos portugueses.
29 posts and 4 image replies omitted. Click reply to view.

 No.1131

File: 1507912179594.gif (1.94 MB, 320x180, rica girando.gif) ImgOps Google

>essas paredes de texto dos dois autistas por causa de um videozinho do rica
Kek.

 No.1134

>>1117

Se aconchegante é pré-reforma e sestas até pode ser, mas para quem tenha pulso uma grande cidade do Brasil é inteiramente preferível a Montevideu, assim como os EUA são preferíveis a Portugal, questão de perspetivas de vida.

>Você está errado porque esse link se remete a uma lista de IDH que compensa a desigualdade


E em que é que os índices oficiais que eu escolho têm ser menos importantes ou relevantes que os teus…o Peru aparece á frente do Brasil naquele HDI, lida com isso e com o facto de TODOS os índices serem manipulados para favorecer a narrativa que se queira

>E, mais, eu disse que deviam fazer guerra com país que fosse paraíso fiscal?


Citação: >Há diversas formas de se coagir um país a fazer ou deixar de fazer o que quer que seja, como pressão diplomática e econômica, e guerra.

sem comentários.

>Mas, não, você parece ser ignorante sobre a esquerda brasileira

Post too long. Click here to view the full text.

 No.1140

Fds vocês dois caralho
Os índices são uma merda; a interpretação do zuka de que o inequality-adjusted HDI é falho em relação à comparação com Peru porque todos tão igualmente na merda no Peru é falha porque o IHDI nosso é TÃO mas TÃO menor que apesar do nosso HDI ser um tanto maior, tamos mais na merda que eles, segundo o inequality-adjusted HDI, o final: no final — repito, segundo o inequality-adjusted HDI — a gente tá mais na merda que o Peru: e como tu tuga falaste, não pode corresponder isso à realidade.
Sendo assim não há de se falar que o índice só é falho em relação ao Peru, por conta da tal "distorção porque todo mundo vive na merda" que supostamente só acontece no caso do Peru (distorção já provada inverdadeira, acima): o é também em relação a todos os países, portanto.
Doutro lado é também falha a linha do tuga de que o PIB per capita deles só é maior por causa de distorção provinda de diferença na densidade demográfica, e ainda usando os escandinavos de exemplo; diz ele: "Mas vamos encher a Noruega com uma densidade populacional maior e ver o que acontece".
É claro, mas é justamente por causa do pouco povo que o PIB per capita acaba por aumentar. "Encher o Uruguai e ver o que acontece" não faz sentido algum a menos que tu estejas metendo booms demográficos tirados sei lá da onde na conta.

No final — tomo a ousadia de retirá-lo de vossos textos — todos concordamos que todos os índices são falhos e tem exemplos casuísticos que o provam
Nem adianta bater na tecla dos índices — falhos que são — e nem tampouco arguir então experiência empírica — porque comparar de um ponto de vista empírico Brasil a Uruguai só com o que sabemos de noticiários não é tão one-sided quando comparar Peru com Brasil caralho

Ambos países têm condições parecidas demais em sua média pra compararmos assim
Cumps

(E cessem com o ad hominem com filosofinho de sei lá das quantas que deu sei lá qual argumento que já nem mais lembramos caralho)



File: 1508314451282.jpg (60.48 KB, 563x750, 1507828744916-1.jpg) ImgOps Exif Google

 No.1137[Reply]

Será que compensa comprar sítios e lotes queimados aí?

Eles devem vender bem barato.

 No.1138

Não sei amigo, mas bela foto.

 No.1139

Compensa



File: 1507907770945.jpg (88.99 KB, 729x1008, uma delicia.jpg) ImgOps Exif Google

 No.1130[Reply]

http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,para-fugir-da-crise-brasileiros-vao-viver-em-portugal,70002041808

"Com mercado de trabalho pouco aquecido e um dos salários mínimos mais baixos da Europa Ocidental (€ 557), mudar para Portugal é uma alternativa para brasileiros que já têm suporte financeiro. É o exemplo do fotógrafo Jorge Abud, de 50 anos, que há seis meses trocou seu apartamento no bairro dos Jardins, em São Paulo, por um na Estrela, na zona central de Lisboa. "
(…)

"A aquisição imobiliária feita por Abud lhe conferiu o chamado Golden Visa, ou Autorização de Residência para Atividade de Investimento (ARI). Trata-se de um programa do governo português que concede a autorização de residência para estrangeiros por meio da transferência de capitais no valor mínimo de €1 milhão, da criação de dez postos de trabalho, da compra de imóveis a partir de € 350 mil, no caso de construções que tenham mais de 30 anos ou que estejam em área de reabilitação urbana, entre outros investimentos."

Estão ansiosos para a nova era de ouro portuguesa iniciada por milionários brasileiros?

 No.1132

Exato, só falta vir o Lula comprar um triplex.

 No.1133

>>1132
Ele possui um imóvel em Cascais.



File: 1507319094795.jpg (8.77 KB, 264x191, bacalhau.jpg) ImgOps Exif Google

 No.1118[Reply]

Tinha um brasileiro que vivia tirando um sarro do português. Toda vez que o brasileiro via o português, era sempre o mesmo diálogo:

- Ô, Manuel, qual o melhor peixe lá de Portugal?
- Ora pois, gajo, é o bacalhau.
- Então prepara o cu que lá vai pau!

O português, cansado disso, resolve virar o jogo e fazer o brasileiro beber do próprio veneno. Quando ele avista o brasileiro, corre para falar antes do brasileiro:

- Ora pois, brasileiro, qual é o melhor peixe do Brasil?
- É o pacu.
E o português responde:
- Então prepara o pau que lá vai cu!

 No.1122

>>1118
naiçe, épique, ai laique íte



File: 1505052863258.jpg (41.63 KB, 375x210, _97112846_livro(1).jpg) ImgOps Exif Google

 No.1044[Reply]

>educação portuguesa

http://www.bbc.com/portuguese/internacional-40735234
>Ensino de História em Portugal perpetua mito do 'bom colonizador' e banaliza escravidão, diz pesquisadora

"De igual modo, em virtude dos descobrimentos, movimentaram-se povos para outros continentes (sobretudo europeus e escravos africanos)."

É dessa forma - "como se os negros tivessem optado por emigrar em vez de terem sido levados à força" - que o colonialismo ainda é ensinado em Portugal.

os livros didáticos do país "escondem o racismo no colonialismo português e naturalizam a escravatura".

"persiste até hoje a visão romântica de que cumprimos uma missão civilizatória, ou seja, de que fomos bons colonizadores, mais benevolentes do que outros povos europeus".

"Essa narrativa gera uma série de consequências, desde a menor coleta de dados sobre a discriminação étnico-racial até a própria não admissão de que temos um problema de racismo"

Post too long. Click here to view the full text.

 No.1046

File: 1505064877061.png (1.03 MB, 2000x2500, reinodocongo.png) ImgOps Google

>>1044
>Os Portugueses compravam escravos aos reis do Congo (o Rei do Congo era Cavaleiro da Ordem de Cristo e até existia um bispo no reino do Congo nomeado pelo Papa).
>Portugal entrou em guerra com o Congo porque queria comprar escravos a outros reinos africanos, algo que o Congo não permitia, porque queria o monopólio.
>O Zumbi dos Palmares foi capturado numa dessa guerras
>Nos Quilombos havia escravos, porque era essa a tradição africana.

O problema principal dessas "pesquisadoras" é a ignorância histórica, vêm tudo pelo lado a antropologia cultural e da sociologia, "ciências" completamente contaminadas por subjetividades e marxismos culturais.

O Freire estava certo quanto à hibridação e a empatia enquanto estratégias mas errado quanto ao motivo, Portugal era um pais de pequena população, nunca poderia conquistar pela ocupação ou pela colonização, só pela aliança e pelo protetorado. Nunca existiu nenhum especial "amor ao próximo" ou "empatia nata" só uma estratégia pragmática que permitia uma multiplicação de poder e influencia com uma base primaria muito pequena.
O mesmo se aplicou ao Mouros, ao Judeus e ao Templários (banidos pelo Papa, mas reconvertidos pelo Rei na Ordem de Cristo), aproveitar todos os recursos humanos disponíveis e pô-los a trabalhar para a causa.

>foto, Brasão do Reino do Congo

 No.1068

>>1046
Bom post

 No.1104

Educação boa é a de Freire no Brasil
>endeusa a revolução francesa
>endeusa a revolução russa
>história do Brasil é chato
>estadounidenses
Faz-me rir.



 No.1093[Reply]

Gostaria de compartilhar essa série brasileira com nossos irmãos de além-mar.

É sobre a nossa história em comum.
1 post omitted. Click reply to view.

 No.1095

Assisti com lágrimas católicas escorrendo pela face.

 No.1098

Meu pau tá duro e meus olhos enxarcadoos.

 No.1100

Teve alguns erros a respeito das tribos pre-romanas (O mesmo povo morou na região desde 12.500 AC) e alguns erros a respeito da reconquista e era medieval em geral.
Por exemplo, no final da Reconquista, Castilha conseguiu derrotar o Emirato de Granada sem ajuda externa, onde no documentário foi dito que foi declarada uma cruzada contra Granada.
5/10 pelo esforço.



 No.1056[Reply]

Nem muito tempo há atrás vocês não tinham esse sotaque de merda. Falam como gente. O português brasileiro é o mais perto da língua de Camões ao contrário do dialecto que vocês usam atualmente.
6 posts omitted. Click reply to view.

 No.1080

File: 1505738399791.png (9.46 KB, 541x221, conjugação verbo ter.png) ImgOps Google

>>1076
A conjugação está correta, macaco de bosta. E não é questão de falar bonito, apenas gosto de usar o pronome correto – lembre-se que vocês é pronome de tratamento.

 No.1087

>>1080
Perdão. Eu que não sei conjugar.
Mas continua querendo aparecer pros tugas usando pronominho que ninguém usa.

 No.1091

>>1087
Estou cagando pros tugas, só gosto da forma como eles falam; afinal, não têm tantos vícios de linguagem quanto nós e ainda mantêm seu português bem parecido ao de uns séculos atrás – não no sotaque, claro. Ademais, o você somente foi adotado pelo gado brasileiro porque as empresas, jornalistas e tradutores de filmes e séries – sendo estes últimos dum retardado enorme – o forçaram, e ainda forçam, para dar um ar de importância e intimidade ao leitor.



File: 1503448471825.gif (748.99 KB, 500x281, eva-01.gif) ImgOps Google

 No.1000[Reply]

Porque os negros do deserto demoram a chegar no Brasil? Tem bastante coisa para explodir por aqui, inclusive o Planalto.

Estamos naufragando.
6 posts and 1 image reply omitted. Click reply to view.

 No.1062

File: 1505539194677.jpg (155.99 KB, 620x785, nanda costa.jpg) ImgOps Exif Google

https://pt.wikipedia.org/wiki/Libanês-brasileiro

Eles já estão aqui desde 1880.

Pic related.

 No.1063

>>1062
Esses foram devidamente reciclados.

 No.1067

>>1062
Mas eram maioritariamente cristãos



File: 1503035851115.png (398.3 KB, 450x450, ClipboardImage.png) ImgOps Google

 No.983[Reply]

O que aconteceu com o BRchan?
3 posts and 1 image reply omitted. Click reply to view.

 No.990

Use o 27, negro.

 No.1001

Foi feito de putinha dos russos.

 No.1055

Uns muçulmanos raidaram o chan e tiveram que tirar do ar.



File: 1500942872689.jpg (58.4 KB, 533x960, 19247895.jpg) ImgOps Exif Google

 No.957[Reply]

Esse linguajar é normal para vossas gajas?
2 posts and 1 image reply omitted. Click reply to view.

 No.960

>>957
HUEHEUHEUEHUE
Eu devia ter imaginado como é hilário o sexting tuga.

>radical, fode cus, mas por que não vais mamar uma foda?

 No.1012

File: 1503672488065.jpg (59.37 KB, 502x480, 139465959140.jpg) ImgOps Exif Google


 No.1045

>tempos verbais todos fodidos
>kkkkkk
>machucar
>gozei
🐒



Delete Post [ ]
[1] [2] [3] [4] [5]
| Catalog
[ * ] [ c / des / n / t / u ] [ int / luso ] [ b / con / pol / xxx ] [ meta ] [ doar / info / regras / notícias / https / git ]