[ * ] [ c / des / n / t / u ] [ int / luso ] [ b / con / pol / xxx ] [ meta ] [ info / regras / notícias / https / git ]

/c/ - Cultura

Cinema, Música, Literatura, Anime, e Discussões Culturais
Name
Email
Subject
Comment
File
Embed
Password(For file deletion.)

Allowed file types: jpg, jpeg, bmp, gif, png, webm, torrent, epub, mobi, pdf
Max filesize: 10 MB.
Max dimensions: 10000 x 10000.


File: 1528558157503.jpg (154.71 KB, 600x409, oIo.jpg) ImgOps Exif Google iqdb

 No.2794

Como sabem vivemos sobre o jugo feminino entranhado até ao tutano. Já nem o macho-latinismo chega como reacção a esta exacerbada forma de controlo insidiosa feminina.
A questão é:
O que é que no nosso consciente colectivo nos traz a esta cultura de, muito há imagem dos pretos de África, que deixam as mulheres trabalhar por eles, nós deixamos as nossas mandar, quando elas claramente não são talhadas para tal.

 No.2795

File: 1528559794948.jpg (865.9 KB, 2592x1936, IMG_0087.jpg) ImgOps Exif Google iqdb

>postar este fio no /c/

 No.2796

O facto de 99% dos homens não terem dignidade e irem atrás delas e dar-lhes tudo só por ter cona, faz com que elas se achem a ultima bolacha do pacote. Era apertar os colhões aos chads e coristas para ensiná-las a porem-se no sitio

 No.2797

>>2796
Sim, mas isso é o sintoma.
Qual é a doença?

Por outras palavras; o que fez o tugo perder a tal dignidade de que falas?

 No.2798

>>2797
Não sei, a acumulação de testosterona? A enorme necessidade de por o sexo à frente nas suas prioridades? A falta de auto-controlo? Necessidade de encher o ego e de medir pilas com os outros dizendo o numero e as gajas que ja foderam? As leis do mundo moderno que cada vez mais fazem fugir ao compromisso e agarrar mais as fodas casuais?

 No.2799

>>2798
Extrapolando o que disseste sem descorar o imperativo biológico pela reprodução aka fama e fortuna.
Será então que temos um impeditivo que nos impede de maturar antes perseguir o tal objectivo, generalizando claro?
Talvez o facto de não ser esperado que tenhamos nada nosso, porque nada é nosso quando temos que dar uma parte a terceiros (estado).
Seremos nós obsoletos nesse ponto de vista, e como nesses anos formativos da juventude somos mais influenciáveis e por isso resvalamos irremediavelmente para a ignorância…

 No.2800

Movido para >>>/pol/4783



[Return][Go to top] [Catalog] [Post a Reply]
Delete Post [ ]
[ * ] [ c / des / n / t / u ] [ int / luso ] [ b / con / pol / xxx ] [ meta ] [ info / regras / notícias / https / git ]